um pouco do que me interessa

domingo, 24 de maio de 2009

Ela volta:a garota de vermelho sempre volta



Garota de vermelho

Te escrevo
Te advirto

A vida não é filme
O amor não é filme
Os diálogos não são de filme
Os beijos não são de filme
O teu futuro avião partirá sem alguém pedindo que pare

Inventaste uma vida com trilha sonora
Tatuaste na nuca algo que gostaria
O doce que queres só tu pode te proporcionar

Sei que se sentes num filme de Bergman
Sei que há gritos onde tu está
Sei que sente como sempre Amelie,Amelie
Que beijas os olhos do teu afeto como no fim do filme
Mas teu afeto nã´é filme
Ele é real
Real e cru demais como a vida

E talvez você viveu demais garota
Sentada no cinema Marrocos
Querendo ser todos personagens menos você
Querendo ter amores e família dos filmes
Talvez tenha sempre sentado na poltrona com a pipoca nas mãos a esperar algo

Sei da tua inquietação
Sei que virar adulto doi
Sei que é extremamente corajosa
Sei que tu não tens tanto apegos agora

Então te digo garota
Arruma tuas malas e vá para a casa amarela
Arrume tuas malas e vá para cidade de pedra
Onde uma nova garota surgirá

E o que te peço que pense com carinho até o fim deste ano

Enquanto isso
Seja leve por favor
Enquanto isso te dedique ao possível

Então garota o dia está lindo na rua
e como dizia o Paulo Autran
todo mundo é um pouco sozinho

permita-se
e viva
enquanto as coisas podem ser vividas

Menos dramas e mais doses de doçura

2 comentários:

Alice do país das maravilhas. disse...

amelie é lindo!
assim como teus escritos.

Juliane Bitencourt disse...

permita-se
e viva
enquanto as coisas podem ser vividas

Menos dramas e mais doses de doçura

isso, é bom...
hehehehehehehe
mas cada um com o seu sabor né?
hihi
bjbjbjbjbj